Restaurantes

Ver todos

Descontos e Ofertas

Ver todos

Tasquinha do Becas

Braga

Menú executivo desde 8€

Venha almoçar connosco! Menú executivo 8€..Menú executivo com sobremesa 9€

Panorâmico - Diverlanhoso

Póvoa de Lanhoso

Menus para Grupos I Ementa de Tapas

(clique nas imagens)

Silvas Granjinhos

Braga

Take Away no Silvas

Palácio

Vila Verde

Brunch aos Sábados 10€

Sábado entre as 12h00 e as 15h00 venha ao Palácio degustar este delicioso Brunch que temos para si!

Trotas

Braga

Menu Executivo à semana 8.5€

Venha almoçar no Trota´s! Conheça o maravilhoso Menu Executivo que temos para si!

Esperança Verde

Braga

Menu do dia à semana 10€

Venha almoçar connosco no Esperança Verde!

Mister Picanha

Vila Nova de Gaia

Passagem de Ano 2015/2016

Pampas Burger

Lisboa

Menu degustação low cost 12.50€

Menu degustação: entrada gourmet inspiração do Chef, um shot de sopa, um hambúrguer gourmet Eddys style, uma bebida, sobremesa e café = 12.50€

Promoção de Segunda a Quinta, ao almoço e ao jantar.

Faça já a sua RESERVA ONLINE!

É dono de um restaurante?

Faça parte da selecção de restaurantes MyRestaurant.

Posta Mirandesa

O lume das brasas deve estar forte no início. As brasas incandescentes devem estar distribuidas de forma regular no fogareiro ou lareira de forma a proporcionarem uma distribuição uniforme do calor. A grelha deve ser colocada a uma altura de cerca de 10 cm das brasas. A carne deve ser cortada em postas com uma espessura de 3 a 4 cm (cerca de 300 g por posta). Coloque a carne na grelha sem tempero nenhum. Após esta operação, e caso o deseje, tempere com sal grosso. Volte a carne, sem espetar, quando aparecerem pequenas pérolas de sangue na superfície superior. O tempo que a posta está na brasa depende do seu gosto pessoal, consoante prefira a carne bem ou mal passada. Para conservar a suculência da carne, esta não pode ser picada. Ao voltar a posta, o lume deve estar forte, para que se crie uma crosta que impeça a saída dos sucos. Contudo, esta crosta não deve ser espessa, porque o calor penetra na carne de forma deficiente e a posta acaba por ficar queimada por fora e mal grelhada por dentro. Fonte: mirandesa.pt

Ingredientes

1,2 kg de carne de vitela mirandesa; sal grosso, de preferência integral (sem substâncias quimicas)

Salada Tropical de Sapateira

  • Forre um prato grande com a rúcula, corte as frutas em cubos e a sapateira (a carne das patas desfiada e misturada com o molho da carapaça) aos bocados por cima.
  • Salpique com o chili.
  • Com o resto dos ingredientes faça o molho e sirva à parte

Ingredientes

  • 1 sapateira pequena cozida em água e sal
  • 1 pacote de rúcula selvagem
  • 1 manga e 1 mamão em cubinhos
  • 1 chili vermelho picado
  • Manjericão e coentros picados
  • Molho:
  • 3 c. sopa de iogurte natural
  • azeite, sumo de limão e sal

 

Beringelas Recheadas

Corte a beringelas ao meio, no sentido do comprimento. Retire-lhes todo o interior, a polpa, deixando pelo menos 1cm de contorno.

Pique a polpa da beringela, a salsa, o alho e os pimentos na picadora. Mas não demasiado. Não deve ficar em pasta.

Ligue o forno a 200ºC.

Corte o tomate aos pedaços. Numa caçarola aqueça o azeite. Depois junte a mistura picada e o tomate e deixe refogar um pouco. Tempere com sal e pimenta.

Por fim recheie as 4 metades das beringelas com o preparado anterior. Polvilhe com o queijo ralado, regue com uma colher de azeite e leve ao forno a gratinar por 15m.

 

Bom Apetite!

 

DIca: Varie o recheio com ingredientes que goste, puxe pela sua criatividade! 

Ingredientes

  • 2 beringelas grandes
  • 2 colheres de sopa de azeite
  • salsa
  • 100 gr de queijo magro ralado
  • 2 tomates médios
  • 1 dente de alho
  • 1/2 pimento verde e 1/2 pimento vermelho (pequenos)
  • sal
  • pimenta

Leitão da Bairrada

Pise todos os ingredientes adicionando a manteiga e mexendo sempre até ficar uma massa regular. Junte o azeite que deverá misturar-se com a massa feita com os referidos condimentos. Enfie o leitão na vara (espeto) que, inicialmente era de loureiro, depois de pinheiro seco, e actualmente é de inox. A vara deve ter um comprimento tal que depois de metida até ao fundo do forno, deve manter-se de fora cerca de 1 metro, pelo menos. A vara entrará pelo ânus que foi alargado no amanho e sai pela boca do leitão, cerca de um palmo. Amarre as pernas à vara com um arame fino, deixando as mãos do leitão, livres. Seguidamente, barre o leitão, em abundância, com o tempero, tanto por fora como interiormente, introduzindo o restante na barriga e em todas as partes vazias. É costume também dar umas picadas, com a agulha de o coser, nas coxas e espáduas onde há carne com mais altura, introduzindo um pouco de tempero nessas picadas. Cosa depois os rasgos abertos no ventre e entre as mãos ou pescoço com uma agulha chamada «agulha de leitão», tipo de coser sacos mas mais pequena, e um fio de linho ou algodão mais conhecido por fio carrete ou fio norte. Posto isto, o leitão está pronto a entrar no forno, onde deverá assar lentamente. Fonte: leitaodabairrada.com

Ingredientes

leitão 2 cabeças de alhos 1 punhado de sal (3 colheres de sopa, por exemplo) 1 colher de sopa bem cheia de boa pimenta salsa q.b cerca de 50 g de toucinho e 50 a 100 g de «unto» manteiga de porco 1 folha de louro 1 colher de sopa de azeite Estas quantidades são as normais para um leitão de 7 a 8 kg

Caldo Verde

Leve ao lume a água, as batatas e a cebola cortadas, adicione o chouriço e metade da quantidade do azeite. Leve ao lume a cozer. Retire o enchido utilizado e esmague o preparado. Junte as couves e deixe cozer cerca de 10 minutos. No momento de servir junte umas rodelas do chouriço ou de salpicão e regue com um fio de azeite. Acompanhe com broa de milho. Fonte: Câmara Municipal do Porto – Turismo Autor: Chef Hélio Loureiro

Ingredientes

1,5 lt. de água 700 gr de batatas 100 gr de cebolas 1 dl de azeite 400 gr de couve galega cortada, em juliana, finamente 1 chouriço ou salpicão sal q.b.